sexta-feira, abril 12, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    VLT|“Um sonho que virou pesadelo sem fim”, diz Cláudio Senna

    “Um sonho que virou pesadelo sem fim”, a frase é uma definição que o empresário e advogado Cláudio Senna, de Lucas do Rio Verde-MT evidenciou nos últimos dias em suas redes sociais sobre o VLT em Cuiabá.

    Com custo de mais R$ 1 bi, o VLT que receberia turistas para a Copa do Mundo de 2014, como transporte moderno e de qualidade, acabou nunca acontecendo. Inicial mente previsto para 22 km de trilhos para linhas que ligam o Aeroporto ao Centro de Cuiabá e aos bairros da capital, apenas 6 km foram feitos, e os 40 trens com 280 vagões, apodrecem parados até hoje.

    Recentemente a possibilidade de venda dos vagões do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) para o Rio de Janeiro. O governo de Mato Grosso negou qualquer negociação idos para as obras do Veículo Leve sobre Trilho (VLT). O estado desistiu do modal e decidiu pela implantação do Ônibus de Rápido Transporte (BRT).

    Segundo o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (União Brasil) uma ação na Justiça busca reconhecer que os carros pertencem ao consócio construtor do modal VLT Cuiabá e não são propriedade do estado.

    Senna, tem se dedicado a defender as pautas da direita conservadora e como bom bolsonarista, defende uma solução para esta demanda, que muito entristece o povo mato-grossense.

    “Precisamos encontrar uma solução, afinal os maiores prejudicados são aqueles que mais necessitam de transporte coletivo, uma grande parcela da população que não consegue desfrutar do real desenvolvimento e riqueza do nosso estado, não podemos calar nossa voz diante destes fatos, enxergando que por incompetência, corrupção e ingerência o patrimônio adquirido as custas do nosso trabalho, seja desprezado dessa forma”. Relatou Claudio Senna.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL