quarta-feira, abril 17, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    PMs cantam parabéns com bolo e ‘refri’ para miliciano preso em hospital do Rio

    Um vídeo que circula nas redes sociais mostra dois sargentos da Polícia Militar cantando parabéns para um miliciano que está internado sob custódia no Hospital Municipal Pedro II, que fica em Santa Cruz, Zona Oeste do Rio.

    O aniversariante, identificado como Jean Arruda da Silva, foi baleado na quinta-feira (7), durante uma operação que prendeu 15 suspeitos de integrar o “bonde” da milícia, do grupo de Luís Antônio da Silva Braga, o Zinho. Além dele, outros cinco bandidos também foram feridos .

    A festa de aniversário improvisada contou com bolo e refrigerante de uva. Em um momento, o policial chega a brincar “Bate palma aí, Jean”. Além da algema, o preso está com a mão enfaixada.

    Zinho está preso desde o Natal, quando se entregou à Polícia Federal.

    Procurada, a Polícia Militar informou que a Corregedoria acompanha o caso para decretar as punições cabíveis.

    “Os agentes que aparecem na filmagem já foram identificados e conduzidos à 2ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (2ª DPJ), para que sejam adotadas as medidas disciplinares que o caso requer. Cabe ressaltar que o comando da corporação não compactua com desvios de conduta ou crimes praticados por seus entes, punindo com rigor os envolvidos”, afirma o posicionamento da corporação.

    PMs cantam parabéns para suspeito de integrar milícia no Rio — Foto: Reprodução

    Como foi a operação

    Após informações do setor de inteligência da Polícia Civil, os agentes conseguiram interceptar o grupo na Avenida Brasil, no bairro de Campo Grande, na altura do viaduto Engenheiro Oscar de Brito.

    Os milicianos haviam saído de uma comunidade em Santa Cruz e seguido para a favela da Carobinha, em Campo Grande. Quando voltavam para Santa Cruz, foram pegos pela polícia, que estava de tocaia.

    Os criminosos passavam pela rodovia em quatro carros. Os agentes apreenderam armas e coletes falsos da Polícia Militar comprados pelos milicianos pela internet. Um deles, inclusive, usava uma roupa falsa da polícia, como mostra a foto mais abaixo.

    Os seis feridos foram levados sob custódia da polícia para o Hospital Municipal Pedro II, em Santa Cruz.

    Segundo a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), os criminosos eram monitorados há alguns meses. Oito dos presos já tinham passagens pela polícia.

    Uma das pistas da Avenida Brasil foi interditada, sentido Zona Oeste, para o trabalho da perícia. A ação foi realizada após um trabalho conjunto entre agentes da PRF, Draco e Polícia Militar.

    MENURIO DE JANEIRO
    BUSCAR

    Corregedoria apura vídeo em que PMs cantam parabéns para miliciano preso em hospital do Rio
    Jean Arruda está no Hospital Pedro II desde o dia 7, quando uma operação terminou com 15 presos, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. Criminosos eram monitorados pela polícia há meses. Dezesseis milicianos estavam em grupo, e apenas um deles conseguiu fugir.
    Por Thaís Espírito Santo, g1 Rio

    11/03/2024 16h26 Atualizado há 25 minutos

    Policiais militares cantam parabéns para miliciano preso em hospital do Rio

    Um vídeo que circula nas redes sociais mostra dois sargentos da Polícia Militar cantando parabéns para um miliciano que está internado sob custódia no Hospital Municipal Pedro II, que fica em Santa Cruz, Zona Oeste do Rio.

    O aniversariante, identificado como Jean Arruda da Silva, foi baleado na quinta-feira (7), durante uma operação que prendeu 15 suspeitos de integrar o “bonde” da milícia, do grupo de Luís Antônio da Silva Braga, o Zinho. Além dele, outros cinco bandidos também foram feridos (veja a lista mais abaixo).

    A festa de aniversário improvisada contou com bolo e refrigerante de uva. Em um momento, o policial chega a brincar “Bate palma aí, Jean”. Além da algema, o preso está com a mão enfaixada.

    Zinho está preso desde o Natal, quando se entregou à Polícia Federal.

    PMs cantam parabéns para suspeito de integrar milícia no Rio — Foto: Reprodução
    PMs cantam parabéns para suspeito de integrar milícia no Rio — Foto: Reprodução

    Procurada, a Polícia Militar informou que a Corregedoria acompanha o caso para decretar as punições cabíveis.

    “Os agentes que aparecem na filmagem já foram identificados e conduzidos à 2ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (2ª DPJ), para que sejam adotadas as medidas disciplinares que o caso requer. Cabe ressaltar que o comando da corporação não compactua com desvios de conduta ou crimes praticados por seus entes, punindo com rigor os envolvidos”, afirma o posicionamento da corporação.

    PMs cantam parabéns para suspeito de integrar milícia no Rio — Foto: Reprodução
    PMs cantam parabéns para suspeito de integrar milícia no Rio — Foto: Reprodução

    Participe do canal do g1 no WhatsApp

    Como foi a operação
    Após informações do setor de inteligência da Polícia Civil, os agentes conseguiram interceptar o grupo na Avenida Brasil, no bairro de Campo Grande, na altura do viaduto Engenheiro Oscar de Brito.

    Os milicianos haviam saído de uma comunidade em Santa Cruz e seguido para a favela da Carobinha, em Campo Grande. Quando voltavam para Santa Cruz, foram pegos pela polícia, que estava de tocaia.

    Fuzis e outras armas apreendidos — Foto: Henrique Coelho/g1
    Fuzis e outras armas apreendidos — Foto: Henrique Coelho/g1

    Os criminosos passavam pela rodovia em quatro carros. Os agentes apreenderam armas e coletes falsos da Polícia Militar comprados pelos milicianos pela internet. Um deles, inclusive, usava uma roupa falsa da polícia, como mostra a foto mais abaixo.

    Os seis feridos foram levados sob custódia da polícia para o Hospital Municipal Pedro II, em Santa Cruz.

    Segundo a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), os criminosos eram monitorados há alguns meses. Oito dos presos já tinham passagens pela polícia.

    Uma das pistas da Avenida Brasil foi interditada, sentido Zona Oeste, para o trabalho da perícia. A ação foi realizada após um trabalho conjunto entre agentes da PRF, Draco e Polícia Militar.

    Dezesseis milicianos são interceptados pela polícia na Avenida Brasil

    Os presos são:

    Alexandro dos Anjos Garcia
    Driel Azevedo de Araújo (baleado e hospitalizado)
    Jean Arruda da Silva (baleado e hospitalizado)
    Jefferson Ferreira de Oliveira (baleado, atendido e recebeu alta)
    Jhonata Farias de Araújo
    Leandro de Oliveira Silva
    Lucas Martins Venâncio
    Lucas Souza de Ramos
    Marcos Aurélio Soares Santos de Carvalho (baleado, atendido e recebeu alta)
    Marcos Paulo Dias Moreno
    Marcos Vinícius da Silva Raimundo
    Mário Lúcio de Souza Cruz
    Marlon da Cruz Chaves (baleado, atendido e recebeu alta)
    Maurício Paiva da Costa Júnior
    Wallace de Oliveira Balbino (baleado e hospitalizado)

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL