sexta-feira, abril 19, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    População de Guapiaçu-SP recebe atendimento gratuito

    Moradores do município de Guapiaçu terão oportunidade de receber orientações de cuidados com a saúde e realizar exames, no próximo sábado, *dia 06 de maio*, das 8h às 12h, no CEI – Centro Educacional Infantil Jardim São José, quando ocorre a 3ª Caravana da Saúde promovida pela faculdade de medicina FACERES em parceria com a Prefeitura Municipal de Guapiaçu.

    O evento é promovido pelas ligas acadêmicas da faculdade e professores do curso e visa conscientizar e orientar a população sobre as Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), tais como: hipertensão, diabetes, obesidade e doenças cardiovasculares, orientações sobre pré-natal, oficinas educativas sobre alimentação saudável e entretenimento infantil; e também em como agir em situações de risco em ambientes domésticos como convulsão e engasgo, tanto em adultos quanto em crianças, abordando as principais formas de atitude nestes casos.

    A novidade desta edição é o espaço personalizado de informações à gestante, sobre acompanhamento de pré-natal, bolsa maternidade, cumprimento da data do agendamento do exame do pezinho e orelhinha.

    No Brasil, o Ministério da Saúde recomenda que sejam realizadas no mínimo seis consultas (uma no primeiro trimestre da gravidez, duas no segundo e três no terceiro), sendo ideal é que a primeira consulta ocorra no primeiro trimestre e que, até a 34ª semana, sejam realizadas consultas mensais. Entre a 34ª e 38ª semanas, o indicado seria uma consulta a cada duas semanas e, a partir da 38ª semana, consultas toda semana até o parto, que geralmente acontece na 40ª semana, mas pode durar até 42 semanas.

    Outro dado importante é que, segundo a  Organização Mundial de Saúde (OMS), a doença acomete cerca de 2% da população brasileira e cerca de 50 milhões de pessoas no mundo. De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria, bebês e crianças de 1 a 3 anos são as mais vulneráveis ao engasgo. Além da curiosidade de levar tudo à boca, elas também não possuem controle total da mastigação e deglutição de alimentos. Por isso, é preciso dobrar a atenção na hora das refeições. 

    “A 3ª Caravana da Saúde é um evento de extensão articulado com o ensino e a pesquisa, com ações gratuitas, com foco no rastreio e prevenção de doenças crônicas. É uma oportunidade de cuidar da saúde com orientações gratuitas que agregam a qualidade de vida”, explica Fernanda Novelli Sanfelice, coordenadora de Extensão.  

    Cerca de 150 profissionais entre alunos e professores participam do evento, que reunirá as ligas acadêmicas de: Oftalmologia, Endocrinologia, Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia, Cirurgia Geral, Cirurgia Plástica, Cirurgia Vascular, Geriatria, Cardiologia e Oncologia.

    Para o diretor de Saúde da prefeitura de Guapiaçu, Bruno Henrique Ribeiro, esse evento é muito importante para a população. “A importância da Caravana da Saúde com foco na prevenção e promoção de doenças é algo que o SUS e o Departamento de Saúde priorizam.  Grandes investimentos em medicina curativa não esgotam os problemas de saúde, por isso, a parceria, do município de Guapiaçu e a faculdade de medicina da FACERES tem dado certo, pois atua nos condicionantes, orientando mudança de hábitos, estilo de vida e com certeza colheremos resultados a médio, longo prazo”.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL