sexta-feira, abril 12, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Suspeitos de cometer sequestros-relâmpago em Cuiabá são alvos de operação

    A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (DERFVA), cumpre três ações judiciais contra suspeitos envolvidos em crimes de associação criminosa, roubo e extorsão por sequestros relâmpagos nesta quinta-feira (22), em Cuiabá.

    Entre as ações judiciais, estão dois mandados de prisão e um de busca e apreensão, que fazem parte da Operação Cativo Efêmero. Segundo a Polícia Civil, os suspeitos cometeram pelo menos, três sequestros relâmpagos entre os meses de dezembro de 2023 e janeiro de 2024, na capital mato-grossense.

    O delegado titular da unidade, Diego Alex Martimiano da Silva, disse que câmeras de segurança de shoppings da capital foram recuperadas para identificar os suspeitos e o veículo usado durante os sequestros.

    O crime
    Segundo a Polícia Civil, os criminosos abordavam as vítimas em locais estratégicos, roubavam o veículo e mantinha as vítimas reféns, enquanto as coagiam a realizarem transferências bancárias.

    Para atrair as vítimas, os suspeitos simulavam um acidente com uma pequena batida atrás do veículo das vítimas, que quando desciam do carro para verificar o dano, eram rendidas. Os suspeitos também usavam cartões das vítimas para fazer compras em lojas de luxo de shoppings da capital.

    Ainda de acordo com a polícia, as investigações apontaram que os criminosos eram violentos durante a prática dos crimes, agredindo as vítimas e as ameaçando com armas de fogo.

    Em uma das ações criminosas efetuadas pelo grupo, uma das vítimas, por desespero, tentou saltar do veículo em movimento e acabou tendo a perna quebrada. Mesmo ferida, foi colocada no veículo pelos criminosos e ameaçada, tendo seus pertences e veículo roubados.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL