quarta-feira, abril 17, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Rússia será denunciada por crimes de guerra

    A Rússia segue insistindo que ataca somente alvos militares na Ucrânia, mas o que o mundo viu ontem foi o bombardeio de um complexo com hospital infantil e maternidade na cidade portuária de Mariupol, uma das mais violentamente atingidas pelos ataques desde o início da invasão. Autoridades ucranianas disseram que pelo menos 17 pessoas ficaram feridas, entre funcionários e pacientes, mas nenhuma criança.

    De acordo com a prefeitura, pelo menos 1.170 civis já morreram na cidade desde o início da ofensiva russa. Em um vídeo falado parcialmente em russo, o presidente ucraniano Volodymyr Zelenski classificou o ataque como maligno e “a prova final de que há um genocídio em andamento no país”. O governo da Ucrânia criou um site na Internet para registrar violações de direitos humanos e o que classifica como crimes de guerra cometidos pelos russos. O material será encaminhado à Corte Europeia de Direitos Humanos e ao Tribunal Penal Internacional.

    A Organização Mundial da Saúde anunciou ter confirmado 18 ataques a instalações médicas e ambulâncias na Ucrânia, com dez mortos e 16 feridos.

    O governo em Kiev confirmou que pelo menos 35 mil civis foram retirados das cidades mais afetadas através de corredores humanitários, mas centenas de milhares continuam em situação de risco.

    Zelenski voltou a pedir à Otan que estabeleça uma zona de exclusão aérea na Ucrânia, mas a ação direta da aliança militar está descartada. Em vez disso, o Reino Unido pretende enviar armamento antiaéreo para as forças armadas ucranianas.

    redação com Meio

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL