terça-feira, fevereiro 20, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Preço do etanol em Cuiabá sobe e fica acima do que aponta pesquisa da ANP

    O preço do etanol em Cuiabá subiu e já passa dos R$ 3, após o anúncio da mudança de valores nas usinas, na última semana. A Agência Nacional de Petróleo (ANP) divulgou uma nova pesquisa realizada em postos de 24 estados e do Distrito Federal, entre os dias 29 de janeiro e 3 de fevereiro, que aponta que o valor na capital mato-grossense varia de R$ 2,69 a R$ 2,95.

    Na pesquisa da penultima semana janeiro, o preço médio de revenda na capital mato-grossense estava na casa de R$ 2,81. De acordo com o presidente do Sindipetróleo, Claudyson Alves, o aumento nas usinas chega, automaticamente, ao consumidor.

    “Nas últimas semanas, as usinas já aumentaram os preços, então automaticamente a distribuidora já repassa”, disse.
    ⛽Apesar da pesquisa apontar o preço máximo a R$ 2,95, a maioria dos postos na capital têm cobrado entre R$ 3,09 e R$ 3,19 o litro.

    Preço do etanol em alguns postos de Cuiabá — Foto: reprodução

    O Sindicato explicou que não existe um valor tabelado dos combustíveis e que, por isso, o mercado é livre para estabelecer os preços.

    💹Gasolina e diesel
    Os preços da gasolina e do diesel também estão mais caros, desde o dia 1º de fevereiro, com o início da vigência de novas alíquotas do ICMS aprovadas pelos governos estaduais.

    O ICMS está previsto na modalidade de alíquota fixa, o chamado “ad rem”, desde 2022, mas a mudança na prática ficou para esse ano.

    De acordo com o presidente do Sindipetróleo, Claudyson Alves, em outubro de 2023, os 27 secretários de Fazenda da Federação acordaram R$1,22 de aumento na gasolina e R$0,94 no diesel.

    “Ficou acordado um aumento de 12,5% desses impostos, ou seja, R$0,15 centavos na gasolina, e R$0,12 no diesel. Assim a gasolina vai ficar R$1,37 e o diesel R$1,06.”, explicou ao g1.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    AMOR ALÉM DA VIDA

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL