Polícia Civil apreende menor que matou o pai por dívida de drogas

Polícia Civil apreende menor que matou o pai por dívida de drogas

A Polícia Civil de Paranatinga (373 km ao sul de Cuiabá) apreendeu na terça-feira (12.05) um adolescente suspeito do homicídio do próprio pai. O menor de 16 anos foi autuado em flagrante por ato infracional análogo aos crimes de homicídio e responderá também por tráfico de drogas. 

As diligências iniciaram na segunda-feira (11.05) após a localização de um corpo do sexo masculino enterrado em um terreno no perímetro urbano. A vítima foi identificada como Elder Moreira de Lima, 35 anos, pai do adolescente. Em análises preliminares da Politec foi verificado que a morte ocorreu da utilização de objeto perfurocortante. 

Durante investigação para esclarecer o homicídio, os policiais civis identificaram que o filho da vítima foi a última pessoa que fez contato com o pai antes dele desaparecer.

Também foi apurado que o adolescente estava envolvido com a venda de entorpecentes na região e pegou do seu pai certa quantia de drogas para revender, porém, não realizou o pagamento. Na noite de domingo (10.05), o pai procurou o filho para receber o valor da venda da droga.

No entanto, o menor resolveu matar o pai para não pagar a dívida. Para isso, o adolescente atraiu o pai até o local do crime, onde aplicou os golpes de faca que tiraram a vida da vítima. Ainda na madrugada de segunda-feira (11), o infrator retornou ao local onde o corpo estava e cavou um buraco com uma enxada para ocultar o cadáver.

Ao perceber a ação da Polícia Civil para esclarecer o crime, o adolescente resolveu confessar a autoria do ato infracional. Na Delegacia de Paranatinga, ele foi ouvido pelo delegado Flávio Souza Braga.

O adolescente foi autuado em flagrante por ato infracional pelo artigo 211 do Código Penal (destruir, subtrair ou ocultar cadáver ou parte dele) e artigo 121, parágrafo 2º, incisos II e IV (homicídio mediante a traição, emboscada, ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou impeça a defesa da vítima). 

Após a confecção dos autos de ato infracional, a delegacia comunicou a apreensão às autoridades judiciais competentes, ficando o menor apreendido à disposição. 

REDAÇÃO COM ASSESSORIA

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques

MORADORES RECEBEM ÁGUA BARRENTA DO SANEAR EM RONDONÓPOLIS

Água que está chegando nas residências de alguns bairros em Rondonópolis, está sem condições de ser utilizada. A redação do Marreta Urgente recebeu imagens, e os moradores do residencial José

Notícias

As promessas vazias do socialismo

Por Patrick Tyrrell e Anthony B. Kim Quais são os custos de adotar o socialismo? É uma boa pergunta, e uma não é feita com a frequência necessária. Mas um

Destaques

Bolsonaro continua com boa aprovação, em meio a pandemia do Covid-19

O Brasil atingiu a marca das 100 mil mortes causadas pela covid-19 no dia 8 de agosto de 2020. Para quase metade dos brasileiros (47%), o presidente Jair Bolsonaro não tem nenhuma