quarta-feira, julho 24, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    PM é preso suspeito de estuprar adolescente de 15 anos na Bahia; vítima estava a caminho da escola quando foi abordada

    Um policial militar foi preso suspeito de estuprar uma adolescente de 15 anos, quando a vítima estava a caminho da escola, na cidade de Itamaraju, no extremo sul da Bahia.

    Segundo informações passadas pela 8ª Coordenadoria RegionaL de Polícia do Interior (Coorpin/Teixeira de Freitas), o crime aconteceu por volta das 6h40 de quarta-feira (12), quando a vítima estava a caminho da escola Aurivaldina Joazeiro, onde estuda.

    De acordo com a polícia da região, a adolescente contou que foi abordada pelo PM , que encostou o carro ao seu lado e a ameaçou com uma arma. O suspeito teria ordenado que ela entrasse no veículo.

    Imagens de câmeras de segurança de uma casa, que fica na rua em que ela foi abordada, mostram o momento que ela desce a ladeira que dá acesso ao bairro Primavera, a cerca de 1 km da escola, e é abordada por ele.

    Beijo com mordida e carícias nas partes íntimas
    A adolescente contou a polícia que ao entrar no veículo, viu que o motorista estava fardado de PM. O suspeito teria perguntado a idade da vítima, se ela era virgem, o endereço e o número do telefone.

    A vítima afirmou para a polícia que, com medo, respondeu que morava no bairro Primavera. O policial teria continuado a dirigir e, no início da rua em que fica a escola, parou o veículo e começou a beijá-la.

    Segundo a adolescente, o policial militar também passou a morder a boca dela e passar a mão nas partes íntimas, por cima da calça.

    A garota não soube dizer quanto tempo ficou no veículo, mas afirmou que o policial disse que iria “comê-la” dentro do carro e que não a levaria para outro lugar, porque estava indo para a cidade de Prado, que também fica no extremo sul baiano.

    A vítima contou ainda que o policial afirmou que a esperaria, nesta quinta-feira (13), às 10h, no ponto de ônibus. Ao chegar em frente a escola, o PM baixou os vidros das janelas do carro, cumprimentou o vigilante da escola, que estava na porta da unidade de ensino, e foi embora.

    A 8ª Coorpin informou que a adolescente desceu do carro e foi conversar com a diretora, a quem relatou o crime sofrido. A responsável pela escola convocou a mãe da menina e a orientou a procurar a delegacia da cidade.

    Na delegacia de Itamaraju, com a mãe, a adolescente fez a denúncia e conseguiu falar a placa do carro do suspeito. Em consulta nos sistemas da Polícia Civil, o delegado confirmou que o veículo era de um policial militar de 36 anos, lotado na 88ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Alcobaça).

    O que alegou o policial

    A Polícia Civil informou que a comandante da CIPM que o suspeito trabalha foi comunicada e o policial militar foi chamado a se apresentar na delegacia da cidade, onde recebeu voz de prisão.

    De acordo com a 8ª CIPM, acompanhado de uma advogada, o PM alegou que ofereceu carona a adolescente, que esperava o transporte parada, e que no trajeto, de aproximadamente um quilômetro, a convenceu deixá-lo beijar a sua boca de forma consensual.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL