PM acaba com festa regada a álcool e narguilé em Rondonópolis

PM acaba com festa regada a álcool e narguilé em Rondonópolis

Uma das pessoas abordadas parece estar grávida, sem fazer uso de máscara e desrespeitando as demais medias de combate ao avanço do vírus da covid-19.

Pelo menos 15 pessoas foram detidas pela Polícia Militar, participando de uma festa clandestina no bairro Parque dos Lírios, em Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá), na madrugada deste sábado (29).

Dentre as pessoas abordas, havia, inclusive, uma mulher que parece estar gestante. A maioria dos envolvidos eram jovens, não respeitavam as medidas de contenção e combate à covid-19.

A festa era regada a álcool, narguilé e som alto. De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais fecharam a festa às 0h40.

O local funciona como um espaço de eventos. Além do proprietário, os participantes da festa também foram multados pela Polícia Militar.

DADOS DA COVID

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde de sexta-feira (28, 403.777 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 10.849 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado. Ou seja, 40 mortes nas últimas 24 horas.

Foram notificadas 2.007 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 403.777 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 12.144 estão em isolamento domiciliar e 379.033 estão recuperados.

Em Rondonópolis :

Casos Confirmados 29072

Pacientes Recuperados 27121

Casos Ativos 1169

Óbitos 782

Redação com Repórter MT

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

SELMA ARRUDA E TAQUES: A UNIÃO FAZ A FORÇA E FAZ A ESCOLTA

A polêmica decisão da Comissão de Segurança do Tribunal de Justiça que suspendeu em definitivo o serviço de segurança pessoal e escolta oferecido à Juíza aposentada Selma Arruda ganhou novo

Variedades / Entretenimento 0 Comentários

ABERTA CONSULTA PARA EXTINGUIR IPVA; ASSINE A PETIÇÃO TAMBÉM!

No Brasil, o imposto pode incindir sobre a renda. o patrimônio e consumo. Sobre os veículos o imposto é cobrado através do ICMS e pelo IPI, sendo essas taxas consideradas

Notícias 1Comentários

VICTOR SANTOS PEDE EXONERAÇÃO DA COORDENAÇÃO DO CENTRO POP

O jornalista e apresentador Victor Santos,  deixou a coordenação do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP), vinculado à Secretaria Municipal de Assistência e Promoção