quinta-feira, fevereiro 22, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Petrobras anuncia redução de R$ 0,30 por litro no preço do diesel

    A Petrobras anunciou nesta terça-feira (26), uma redução de R$ 0,30 por litro no preço do diesel tipo A para as distribuidoras, que passará a ser de R$ 3,48 por litro, válido a partir desta quarta-feira (27).

    Segundo cálculos da companhia, considerando a mistura obrigatória de 88% de diesel A e 12% de biodiesel que compõe o diesel comercializado nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor terá uma redução de R$ 0,26 por litro.

    Com isso, cada litro vendido na bomba deve custar, em média, R$ 3,06 ao consumidor final, segundo comunicado da empresa.

    “Destaca-se, no entanto, que o valor efetivamente cobrado ao consumidor final no posto é afetado também por outros fatores como impostos, mistura de biocombustíveis e margens de lucro da distribuição e da revenda”, pontua a companhia, explicando que os preços podem ser maiores na prática.
    No ano, até aqui, o preço do diesel para as distribuidoras acumula uma baixa de R$ 1,01 por litro, o que equivale a cerca de 22,5% de redução.

    Gasolina e gás de cozinha não terão variações
    A Petrobras informou, também, que manterá os preços da gasolina e do gás de cozinha inalterados por enquanto.

    A última vez que a estatal mexeu no valor da gasolina foi em 21 de outubro deste ano, quando reduziu o preço em R$ 0,12 por litro para as distribuidoras. Com esse último movimento, o combustível acumula uma queda de R$ 0,27 por litro em 2023, cerca de 8,7%.

    Já o gás de cozinha (GLP) não tem alterações desde 1° de julho, quando a Petrobras reduziu os preços em R$ 0,10 por kg, queda de 3,9%. Desde então, o botijão de 13 kg custa R$ 31,66, levando em conta apenas a parcela da estatal no preço ao consumidor.

    Em 2023, o gás GLP acumula queda de 24,7%, ou R$ 10,40 por botijão.

    Nova política de preços e reajustes
    Em maio deste ano, a Petrobras anunciou uma nova política de preços que determinava o fim da política de paridade de importação (PPI) — prática que ajustava o preço dos combustíveis com base na cotação do dólar e do petróleo no exterior.

    A nova estratégia comercial, que foi vista por muitos especialistas como pouco transparente, busca incorporar “parâmetros que refletem as melhores condições de refino e logística da Petrobras na sua precificação”, segundo a companhia.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    AMOR ALÉM DA VIDA

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL