OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL ATINGE DONO DO JORNAL DIÁRIO DE CUIABÁ

OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL ATINGE DONO DO JORNAL DIÁRIO DE CUIABÁ

A residência do empresário Gustavo Adolfo Capilé de Oliveira, proprietário do jornal Diário de Cuiabá, foi alvo de cumprimento de mandado de busca e apreensão, decorrente da Operação Malebolge, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (14).

A operação foi autorizada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), na decisão em que decretou o cumprimento de mandado na casa de Oliveira, o ministro Fux afirmou que pesa contra ele indícios de “cometimento de crime de obstrução de investigação”.

“Um dos fatos narrados consiste na ação do investigado Blairo Maggi voltada a ‘comprar’ a retratação de Éder Moraes Dias dos termos das declarações prestadas perante o Ministério Público do Estado de Mato Grosso, durante tratativas para firmar acordo de colaboração no âmbito da Operação Ararath, em 2014. Acordou-se o pagamento de R$ 6 milhões, dos quais metade seria paga por Silval Barbosa e a outra metade por Blairo Maggi”, diz trecho da decisão.

Conforme apontado por Silval Barbosa em sua delação, Gustavo Oliveira teria sido a pessoa encarregada pelo ministro Blairo Maggi para fazer o pagamento de R$ 3 milhões a Eder Moraes.

“Segundo o procurador-geral da República, Sílvio César Correa Araújo (chefe de gabinete do então Governador do Estado Mato Grosso, Silval Barbosa) ‘recebeu no seu gabinete o empresário Gustavo Adolfo Capilé de Oliveira, que se apresentou como o responsável pelo pagamento da parte de Blairo Borges Maggi’”, cita a decisão.

Na decisão, o ministro autorizou ainda o cumprimento de diligências em veículos potencialmente utilizados pelo empresário Gustavo Oliveira.

 

 

Redação com Mídianews

 

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

Posto da PRF em Campo Verde será readequado, afirma superintendente

Preocupados com a possibilidade do fechamento do posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Campo Verde, localizado no quilômetro 318 da BR-364 ser desativado, produtores rurais, moradores da região e

Destaques

‘Médico enviado por Deus’ – Homem é preso por consultar idosos

Em Cuiabá, a Polícia Militar prendeu um homem de 31 anos por estelionato, na tarde de terça-feira (23.06), no bairro Três Barras. O suspeito se identificava como médico enviado por

Mato Grosso 0 Comentários

GISELA SIMONA PODERÁ ASSUMIR NO LUGAR NERI GELLER

Após a prisão do deputado federal eleito Neri Geller (PP), na sexta-feira (9) durante a Operação Capitu, que investiga um esquema de corrupção no Ministério da Agricultura durante o governo

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta