NERI GELLER VAI PARA MATA GRANDE EM RONDONÓPOLIS EM CELA COMUM

NERI GELLER VAI PARA MATA GRANDE EM RONDONÓPOLIS EM CELA COMUM

Neri Geller (PP) deputado federal eleito e que foi preso nesta sexta-feira (9) por volta de 6h em Rondonópolis, durante a Operação Capitu, que investiga esquema de corrupção no Ministério da Agricultura durante o governo da presidente Dilma Rousseff (PT).

Geller esteve à frente do Mapa entre março de 2014 a dezembro de 2015, período em que teriam ocorrido supostos pagamentos de propina a servidores públicos e agentes políticos. Ele foi eleito no primeiro turno das eleições de 2018 com mais de 73 mil votos.

Por não ter nível superior, o ex-ministro não deve ser transferido para o Centro de Custódia da Capital (CCC), em Cuiabá. No entanto até que isso ocorra o ex-ministro da Agricultura, deve permanecer preso na Penitenciária Major Eldo de Sá Corrêa, a Mata Grande, em Rondonópolis.

Conforme a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Geller não faz jus à cela especial já que não é parlamentar, não é autoridade e nem tem curso superior.

Na Mata Grande, Neri Geller vai dividir a cela com outros detentos, visto que na unidade prisional não há cela especial.

As investigações são baseadas na delação do doleiro Lúcio Funaro, apontado como operador do MDB.

Assista ao vídeo do SBT TV RONDON no momento em que o apresentador Victor Santos recebe a informação ao vivo:

Redação

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Bolsonaro recebe Prêmio em Dallas (EUA)

Jair Bolsonaro, recebendo prêmio em Dallas: “Até hoje sofremos com a mídia brasileira. Até venho sempre dizendo: ‘Se vocês fossem isentos, já seria um grande sinalizador de que o Brasil

Política 0 Comentários

Tereza Cristina promete tratamento especial à agricultura familiar

Incorporada ao Ministério da Agricultura a partir de 1º de janeiro de 2019 com a posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro, a agricultura familiar deve ter tratamento especial. A promessa

Destaques

R$2,4 milhões | Praça dos carreiros investimento que não oferece segurança ao frequentadores

Remodelada e entregue no dia 21 de setembro a Praça dos Carreiros, é um símbolo da cidade de Rondonópolis. A reforma que custou o valor de R$ 2,404 milhões, espelho

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta