MARCO AURÉLIO MELLO DETERMINA QUE ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DO SENADO TENHA VOTO ABERTO

MARCO AURÉLIO MELLO DETERMINA QUE ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DO SENADO TENHA VOTO ABERTO

Marco Aurélio Mello, às 14h redondas, quando fechava suas portas o STF, determinou por liminar (PDF) a soltura de todos os presos detidos por terem sido condenados em segunda instância. A medida, que seria cassada poucas horas depois.

Não foi a única decisão do fechar as portas tomada por Marco Aurélio. Ele deu também ordens ao Senado para que, em 1º de fevereiro, realize eleições com voto aberto para sua presidência. Não é medida impopular, mas é canetada com impacto político gigante.

Se for mantida tem chances de influenciar diretamente a condução da Casa, pois atrapalha a candidatura de Renan Calheiros. Muitos senadores o olham com simpatia pela capacidade de pressionar o governo Bolsonaro e dele extrair favores em troca de votações na Casa. Não quer dizer que gostariam de apoiá-lo publicamente.

Caos instalado, não se sabe bem onde há ordem, mas é certo que há desordem, desta maneira, informa o Painel que os senadores cogitam simplesmente ignorar os desejos do Supremo.

E mesmo tendo impacto direto sobre a presidência do Senado — foi a menor das decisões. Pois igualmente sorrateiro, e aproveitando-se da confusão geral do dia, no gabinete ao lado Ricardo Lewandowski decidiu solitário que o presidente da República não podia adiar para 2020 o reajuste salarial de todos os servidores da administração pública federal. Decisão tomada, aqueles que uns brasileiros chamam holerite, e outros contracheque, serão rodados já com aumento entre dezembro e janeiro. Como salário não pode ser diminuído, não há possibilidade recurso.

É assim que o próximo governo terá de iniciar gastando R$ 4,7 bilhões mais. Truque antigo. No fim do ano passado, o ministro fez o mesmo e atrapalhou os planos de redução de despesas de Temer. Agora, o problema fica com Bolsonaro.

Redação com Meio

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Brasil

Tarado é preso por toque nas partes íntimas de passageira no ônibus

Um homem de 52 anos foi preso em flagrante em Porangatu, em Goiás, após tocar a genitália de um jovem de 19 anos na noite da última terça-feira (4) dentro

Polícia

“Não se calem jamais”-Pâmella Holanda após denunciar DJ Ivis

Pâmella Holanda se pronunciou nas redes sociais para agradecer o apoio que está tendo após denunciar o ex-marido, DJ Ivis, por violência. Ela já havia compartilhado vídeo em que o artista aparece

Destaques 0 Comentários

EM ENTREVISTA FLÁVIO BOLSONARO EXPLICA PAGAMENTOS

‘Flávio Bolsonaro explica pagamento de R$ 1 milhão’. Na entrevista exclusiva dada à TV Record, o filho 01 afirmou que o pagamento de pouco mais de um milhão se referia

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta