Justiça manda suspender propaganda PT por incitar medo

Justiça manda suspender propaganda PT por incitar medo

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Felipe Salomão, determinou a suspensão da transmissão de propaganda eleitoral da Coligação O Povo Feliz de Novo (PT/PCdoB/PROS), veiculada na televisão, nos dias 16 e 17 de outubro. Na decisão, ele diz que a propaganda incita o medo na população.

Salomão alerta que a propaganda tem potencial para potencial para “criar, artificialmente, na opinião pública, estados mentais, emocionais ou passionais“. Segundo ele, houve violação do Artigo 242 do Código Eleitoral.

Para o ministro, a forma como a peça publicitária trata a possível vitória do candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), ultrapassou os limites da razoabilidade e infringiu a legislação eleitoral.

“A distopia simulada na propaganda, considerando o cenário conflituoso de polarização e extremismos observado no momento político atual, pode criar, na opinião pública, estados passionais com potencial para incitar comportamentos violentos”, diz a decisão.

A ação para suspender a propaganda da Coligação O Povo Feliz de Novo foi impetrada pelos advogados de Bolsonaro.

Fonte: EBC

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques

COVID-19: Prefeito e Secretária de Saúde testam positivo em Primavera do Leste

O prefeito de Primavera do Leste, Leonardo Bortolin (MDB), e a secretária municipal de Saúde, Laura Kelly, testaram positivo para Covid-19, neste sábado (20). Ambos realizam, semanalmente, dois testes. Nesta

RONDONÓPOLIS

Subseção da OAB-MT de Rondonópolis divulga resultado do 1º Concurso de Redação

A 1ª Subseção da OAB-MT de Rondonópolis, por meio de sua Comissão de Defesa da Igualdade Racial, realizou no último dia 13, ato virtual para divulgação do resultado o I

Política

Unidade penal de Rondonópolis inaugura obras e aumenta capacidade em 145 vagas

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), por meio da adjunta de Administração Penitenciária (SAAP), inaugurou, na tarde desta quinta-feira (03.09), 10 obras que estavam em execução na Penitenciária

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta