Galli detona Cattani e questiona sua fidelidade a Bolsonaro

Galli detona Cattani e questiona sua fidelidade a Bolsonaro

Na tarde deste domingo (12), um vídeo gravado pelo ex-deputado federal e atual presidente do PTB-MT, Victório Galli, reacendeu a “treta” com o deputado estadual Gilberto Cattani (PL) sobre o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) rejeitado que previa pagamento da Revisão Anual Geral (RGA) aos servidores do estado de MT, relativo ao ano de 2018.

Em determinado trecho Galli diz que a justificativa de voto contrário é incoerência, e em outras palavras diz que o deputado Catanni estaria com essa justificativa contra Bolsonaro.

“O voto é prerrogativa do parlamentar. A minha crítica foi em cima da justificativa. V.ex.ª. disse que não teve inflação neste período, Incoerência, que não votou porque lá tinha gente fazendo propaganda contra Bolsonaro……. E aí, que mal tem isso? Direito democrático? O que acontece é o seguinte que eles têm direito, inclusive, que quem faz parte de sindicato é de direita, de esquerda também, inclusive faz parte da bancada ruralista. A incoerência que Vossa Excelência comete neste sentido…. Bolsonaro, meu amigo presidente, está errado porque ele deu um aumento de 30% para os professores, lá tem professor de direita e esquerda. Ele está dando o título para os assentados de esquerda. Facilitando a entrada da moradia pelo projeto Casa Verde Amarela. Lá tem direita, esquerda. Auxílio Brasil. Estão recebendo direito de esquerda. Quem mal tem isso? Zelar e votar a favor dos direitos do trabalho do trabalhador, inclusive do funcionário público”.

No final do vídeo ainda sapecou uma indireta e disse que não é oportunista.

Em declarações anteriores Galli havia dito que os servidores estaduais foram traídos pelos deputados estaduais ao não conceder a reposição. “Foi um dia histórico e triste para os servidores públicos. Eles foram traídos, apunhalados.  

Assista ao vídeo no link

https://fb.watch/dCj00gFae8/

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias

Prefeito dá “chá de cadeira” em vereador de Rondonópolis

Na tarde desta segunda-feira (23), o vereador investigador Gerson (MDB), levou um chamado “chá de cadeira” no paço municipal. Segundo as informações o vereador teria uma agenda marcada com o

Notícias

ENQUETE| MARILDES, PAULO SCHUH, KALYNKA E MAGNANI OS PREFERIDOS PARA PRESIDÊNCIA DA CÂMARA EM RONDONÓPOLIS

Uma enquete realizada entre os dias realizada entre os dias 5 e 7 de dezembro de 2020, com Total de Participantes de 4.342, disponibilizada pelo Marreta Urgente aos internautas, com

Saúde

COVID-19: Com medidas restritivas prorrogadas em MT, STF nega liminar solicitada pelo prefeito de Cuiabá

A ministra Carmen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, manteve a validade do decreto estadual nº 836/2021 com medidas restritivas para combate à pandemia da Covid-19. O decreto havia sido contestado pela Prefeitura