sexta-feira, abril 12, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Foragido|Autor de homicídio de comerciante em shopping popular de Rondonópolis

    A Polícia Civil identificou um dos autores do homicídio de um comerciante, ocorrido em um shopping popular de Rondonópolis, no último dia do ano de 2022.

    Conforme a investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Rondonópolis, a vítima, Jadson Ramalho de Oliveira, de 55 anos, foi executada na tarde de 31 de dezembro e morreu ainda no local. O autor dos disparos fugiu em seguida, em uma motocicleta conduzida por outro suspeito.

    A equipe da DHPP realizou diligências para apurar o homicídio e constatou que a motivação do crime tem ligação com o comércio de cigarros contrabandeados. Um grupo criminoso existente no município decidiu impor regras para a venda de cigarros e a vítima, que também vendia o produto, não cedeu às imposições e acabou sendo executada.

    Os policiais civis também identificaram o executor do crime, Edresson Fábio Vieira Souza, de 28 anos, que teve a prisão preventiva decretada após representação da autoridade policial. No entanto, o criminoso encontra-se foragido.

    Duplo homicídio

    Além do mandado de prisão pela morte do comerciante Jadson Ramalho, o executor também responde por dois homicídios ocorridos no início do ano passado, em Rondonópolis. Ele foi identificado nas investigações da DHPP como um dos autores do duplo homicídio de pai e filha.

    Giovana Martins de Sousa, de 15 anos, e Genival Ferreira de Souza, 40 anos, foram executadas no dia 1º de fevereiro, quando foram surpreendidas no interior do estabelecimento comercial “LM”, no bairro Conjunto São José 1. Dois homens armados efetuaram diversos disparos contra as vítimas.

    Conforme a investigação conduzida pela DHPP, dias antes de sua morte, Genival foi ameaçado por criminosos para que encerrasse as atividades de jogo do bicho na região, uma vez, que uma facção criminosa passaria a comandar todos os jogos de apostas no município. Os autores foram identificados como Lucas Soares Dias e Edresson Fabio. Lucas foi preso em agosto passado, em Goiânia.

    O delegado João Paulo Praisner, da DHPP, reforça que Edresson Fábio é de extrema periculosidade e quem possuir alguma informação sobre a sua localização pode entrar em contato pelos telefones (66) 99994-5623, (66) 99911-3598 ou 197. A identidade tem sigilo assegurado.

    Ainda de acordo com o delegado da DHPP, quem der abrigo ao criminoso poderá responder pelo delito de favorecimento pessoal, cuja pena pode chegar a seis meses de detenção.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL