quarta-feira, abril 24, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Ex-deputado estadual de MT, Romoaldo Boraczynki, morre aos 63 anos em Cuiabá

    O ex-deputado estadual e ex-prefeito de Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, Romoaldo Aloísio Boraczynski Júnior, morreu aos 63 anos após sofrer um Acidente vascular cerebral (AVC), neste domingo (17), no Hospital Amecor, em Cuiabá. De acordo com o irmão do ex-deputado, Juliano Jorge, ele estava internado desde quinta-feira (14).

    Em nota, a ALMT lamentou a morte do ex-parlamentar lembrando da época em que ele atuou na política, na região norte de Mato Grosso. “É uma tristeza, uma perda inestimável. Prestamos condolências à esposa dele e filhos, em nome da Casa de Leis”.

    Romoaldo deixa a esposa, Ideme Maria Rodrigues, além de dois filhos e dois netos. O velório será aberto ao público no Saguão Negro da ALMT, neste domingo, a partir de 20h. O sepultamento está previsto para ocorrer na manhã dessa segunda-feira (18).

    Trajetória:
    Romoaldo nasceu em Paranavaí (PR) e chegou em Mato Grosso em 1978, quando foi transferido de uma agência do extinto Banco Financial em Maringá (PR) para Alta Floresta, aos 18 anos. Ele foi o primeiro da família a se estabelecer no estado, sendo seguido posteriormente por seus irmãos e pais, Romoaldo Aloísio Boraczynski e Lourdes Venâncio da Rocha Boraczynski.

    Aos 8 anos, começou a trabalhar como engraxate, mais tarde auxiliando na limpeza de torno mecânico junto ao pai, que era torneiro. Antes de iniciar a carreira política em Alta Floresta, Romoaldo foi proprietário de uma distribuidora de bebidas e gerente de fazenda. Em 1982, aos 22 anos, iniciou a trajetória política ao ser eleito o terceiro vereador mais votado da cidade.

    Romoaldo foi eleito deputado estadual em 1990 e designado líder do governo Jayme Campos. Foi reeleito em 1994, tornando-se o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa. Em 1998, conquistou novamente uma cadeira no Legislativo.

    Após três mandatos como deputado estadual, Romoaldo retornou a Alta Floresta para ser prefeito da cidade, obtendo mais de 60% de aprovação nas urnas em 2000. Em 2010, voltou à Assembleia Legislativa para assumir seu quarto mandato, atuando como primeiro vice-presidente e líder do governo no Legislativo.

    Em 2014, foi reeleito com 41.764 votos. Em 6 de fevereiro de 2019, iniciou seu sexto mandato, tornando-se o parlamentar com mais tempo no Parlamento mato-grossense. A vasta experiência levou o governador Mauro Mendes a convidá-lo para ser vice-líder do governo na Assembleia Legislativa.

    Em 2022, Romoaldo anunciou aposentadoria da vida política, passando a dedicar-se a projetos pessoais.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    CÂMARA -CUIABÁ - BALANÇO 2023

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL