“Estão fudendo comigo”, Servidor do MP xinga e ameaça PM em Jaciara

“Estão fudendo comigo”, Servidor do MP xinga e ameaça PM em Jaciara

Um homem de 38 anos, nome não informado, servidor do Ministério Público de Mato Grosso, foi preso na terça-feira (12) por resistência e desacato durante uma abordagem da Polícia Militar na zona rural de Jaciara (144 km de Cuiabá). Ele estava aparentemente bêbado e disse que policiais estariam “fudendo com ele”.

Conforme o boletim de ocorrência, a Polícia Militar realizava um bloqueio no km 02 da MT-257, quando uma caminhonete Chevrolet S10, ao avistar a barreira, parou a certa distância.

Os policiais se aproximaram do veículo e realizaram a abordagem. Foi determinado para que todos os ocupantes saíssem do veículo.

O servidor, que estava aparentemente bêbado, não desceu da caminhonete e questionou por várias vezes a ordem dos militares. Mesmo após sair, ele resistiu à abordagem.

Os agentes começaram a revistar o acusado e, quando questionaram se tinha algo ilícito, ele respondeu ironicamente que “tem meu saco”.

O servidor ainda esboçou reação contra os policiais.

Diante disso, ele recebeu voz de prisão e teria intimidado os policiais, dizendo que trabalha no Ministério Público e que os policiais estariam “fudendo com ele”.

Ele foi encaminhado para a delegacia de Jaciara para as providências cabíveis.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Redação com Reporter MT

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

EMANUELZINHO BATE DE FRENTE COM DEPUTADO OPORTUNISTA DO PT

O deputado federal Emanuel Pinheiro da Silva Primo, o Emanuelzinho (PTB-MT), um dos mais jovens parlamentares na câmara federal, demostrou toda sua ousadia e coragem ao interpor na Comissão de

Notícias 0 Comentários

NEGLIGÊNCIA A CAUSA DAS TRAGÉDIAS NACIONAIS

Pelo menos 1.774 pessoas morreram ao longo de 12 anos em tragédias que poderiam ter sido evitadas. Foram desastres de avião, enchentes, desabamentos, naufrágios e diversos outros incidentes que talvez

Notícias

Operação cumpre 16 mandados de busca e apreensão em Barra do Bugres e Brasnorte

A Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Delegacia de Barra do Bugres e da Gerência de Combate ao Crime Organizado, deflagrou nesta terça-feira (07.06) a Operação Attentus Status, com