EMANUEL DO PALETÓ: VOLTA A SER DESTAQUE NACIONAL POR  NOTAS FRIAS.

EMANUEL DO PALETÓ: VOLTA A SER DESTAQUE NACIONAL POR NOTAS FRIAS.

Na última sexta-feira dia (02.08), uma reportagem apresentada pela Record News relembrou o caso envolvendo ex-deputados, servidores da Assembleia e empresários, foram denunciados pelo Ministério Público Estadual (MPE) por um esquema de fraudes no pagamento de verbas indenizatórias entre 2012 e 2015, causando prejuízo de até R$ 600 mil.

A denúncia tem por base as investigações do Núcleo de Ações de Competência Originária – Naco Criminal e do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), que culminaram na Operação “Dejá vú”.

Entre os nomes aparece o atual prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB), o esquema consistiria no fornecimento de notas fiscais falsas para simular a aquisição de materiais de papelaria e insumos de informática, em troca do pagamento de 10% sobre o valor nominal de cada nota, com Emanuel Pinheiro foram 13 notas, no valor de R$ 91.750,69;

O prefeito que ficou conhecido pelo episódio do dinheiro no paletó, voltou as manchetes nacionais.

Emanuel Pinheiro, prefeito de Cuiabá de novo…??

Posted by Bolsonaro – Mato Grosso on Sunday, August 4, 2019

Assista ao vídeo:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

Vereador Rodrigo da Zaeli propõe projeto que beneficia servidores públicos

O vereador Rodrigo da Zaeli (PSDB) propôs Projeto de Lei que permite que os servidores públicos municipais fragmentem suas férias em até três etapas, sendo o primeiro período fracionado de

Brasil

Vereador assassinado a tiros em MS

O vereador Farid Afif (DEM), da cidade de Ponta Porã (MS), foi assassinado nesta sexta-feira (8), enquanto se deslocava de bicicleta pela cidade, situada na fronteira com o Paraguai. O

Segurança

Derf de Rondonópolis desarticula esquema milionário na Rumo ALL, apreende caminhões, funcionários e caminhoneiro

Na manhã desta terça-feira (25) investigadores da Derf receberam a informação de que haviam dois caminhões e que os seus condutores estavam tentando descarrega-los de forma fraudulenta na empresa Rumo

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta