terça-feira, maio 21, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    “Decisão dura e decepcionante”, diz Israel sobre EUA suspenderem entrega de armas ao país

    O embaixador de Israel na Organização das Nações Unidas (ONU), Gilad Erdan, criticou a decisão dos Estados Unidos de suspender o envio de armas ao país, classificando-a como “dura e decepcionante”. Em declaração à rádio pública israelense, o diplomata afirmou que a medida é perigosa, uma vez que pode fornecer esperanças aos inimigos.

    “Esta é uma declaração muito dura e decepcionante”, disse Erdan. “É evidente que qualquer pressão sobre Israel, qualquer restrição que lhe seja imposta, mesmo por parte de aliados próximos preocupados com os nossos interesses, é interpretada pelos nossos inimigos, dando-lhes esperança”, acrescentou o político.

    Os Estados Unidos confirmaram, na quarta-feira (8), que suspenderam um carregamento de armas e bombas para o governo israelense na última semana. A decisão ocorreu em meio à suspeita de que Israel estaria planejando um ataque em grande escala na cidade de Rafah, no sul da Faixa de Gaza – atualmente abrigo de 1,5 milhão de palestinos.

    “Continuaremos fazendo o que for necessário para garantir que Israel tenha os meios para se defender. Mas, dito isto, estamos revendo alguns envios de assistência de segurança a curto prazo, no contexto dos acontecimentos que se desenrolam em Rafah. Fizemos uma pausa nos envios para avaliar”, disse Lloyd Austin, chefe do Pentágono.

    Apesar de apoiar Israel na guerra contra o Hamas, Washington vem pressionando publicamente o governo a limitar a ofensiva em Rafah e a tomar medidas para evitar vítimas civis. Isso porque a cidade, que faz fronteira com o Egito, é o último abrigo dos civis, uma vez que a maioria foi forçada a deixar outras partes de Gaza devido à guerra.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    ALMT|VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

    FESTA DAS NAÇÕES 2024

    BRASIL