CULTURA: Deputado Silvio Fávero defende a aprovação de pacote de medidas em apoio à classe artística

CULTURA: Deputado Silvio Fávero defende a aprovação de pacote de medidas em apoio à classe artística

Projeto Lei 1075/2020, que propõe medidas de apoio aos artistas, tramita em caráter de urgência no Congresso Federal.

Em apoio à classe artística, representada pelos grupos de teatro, dança, circo, gestores e diretores dos espaços culturais independentes, o deputado estadual Silvio Fávero defende a aprovação do Projeto Lei 1075/2020, que tramita em caráter de urgência no Congresso Federal.

Fávero está se articulando junto a bancada federal para garantir o apoio necessário para aprovação dessa Lei que unifica os projetos em benefício do setor cultural brasileiro. 

Entre as medidas propostas estão, a liberação de recursos do Fundo Nacional de Cultura para os Estados e municípios, políticas de transferência de renda e a realização de editais, além de outras medidas de proteção social.

“Em tempos de isolamento social, a classe artística é uma das mais afetadas pela pandemia do novo coronavírus e com previsão de ser uma das últimas a voltar a normalidade, portanto esse apoio é suma importância para garantir o sustento dos nossos artistas”, defendeu Silvio Fávero.

Assessoria

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Polícia 0 Comentários

PF desarticula núcleo financeiro de facção criminosa em MS e outros 6 estados

A Polícia Federal deflagrou a operação Cravada na manhã desta terça-feira (6) em Mato Grosso do Sul e em outros seis estados do país. Com apoio do Ministério Público do

Destaques

Testes indicam que filme plástico pode inativar o coronavírus

Aquele filme plástico de PVC transparente, que pode ser esticado para embalar alimentos, como carnes, frutas e frios, e para proteção de superfícies é capaz de inativar o novo coronavírus.

Mato Grosso

Senado – Carlos Fávaro assume após cassação de Selma Arruda

Carlos Henrique Fávaro (PSD) assumiu a vaga no Senado, nesta sexta-feira (17), aberta após a cassação da juíza Selma Arruda, que foi oficializada, nessa quinta-feira (16), pela Mesa Diretora do