CRISE: LAVA JATO, FALTA DE INCENTIVOS FISCAIS E COVID-19 AMEAÇAM CERVEJARIA PETRÓPOLIS EM MT

CRISE: LAVA JATO, FALTA DE INCENTIVOS FISCAIS E COVID-19 AMEAÇAM CERVEJARIA PETRÓPOLIS EM MT

A cervejaria Cervejaria Petrópolis, que inaugurou sua fábrica em Rondonópolis no ano de 2008, pode fechar a unidade no município. Com capacidade de produção de 3 milhões de hectolitros/ano, é a base de fabricação de marcas como Crystal, Itaipava, Petra, entre outras, enviadas para o Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Acre e Goiás.

A empresa anuncia a demissão de 179 funcionários em diversas cidades: Cuiabá, Alta Floresta, Água Boa, Juína, Pontes e Lacerda, Tangará da Serra e Rondonópolis, que por deter a grande maioria dos 1.516 empregados do estado, será a cidade mais afetada.

A unidade emprega somente em Rondonópolis quase 750 empregos diretos, e gerador de impostos do município, a fabricante de cervejas teve o seu regime de incentivos fiscais anulado por decisão judicial, tornando a operação no estado pouco competitiva, fato ocorrido em meio à crise econômica provocada pelo novo Corona vírus (Covid-19).

“Reduzimos a carga horária, demos férias aos funcionários e procuramos alternativas, mas agora chegamos ao limite. Sem o apoio de antes, teremos que rever nossa operação no estado” argumenta Marcelo de Sá, Diretor de controladoria. “Sabemos de nosso papel social na geração de emprego e renda, além de ser um importante fomentador das economias locais, mas, infelizmente, o número de demissões tende a aumentar caso essa decisão se mantenha”, reitera.

Atraída ao Mato Grosso graças ao Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso (Prodeic) e pelas políticas públicas que visavam o desenvolvimento regional, em abril deste ano, por decisão judicial, a empresa teve seu incentivo anulado.

Fato que causou surpresa, visto que, após 10 anos de fruição do incentivo, sem nenhum apontamento em contrário, a companhia sempre cumpriu com todas as obrigações.

No entanto, no início de 2018, com a posse do atual Secretário de Fazenda, Rogério Gallo, começaram uma série de ações direcionadas do estado que resultaram na inovadora decisão do Juiz João Thiago de França Guerra, da vara de Fazenda Pública de Cuiabá.

Essa mudança, além de gerar insegurança jurídica, faz com que o Mato Grosso se torne pouco competitivo frente a outros estados. Colocado erroneamente como prejuízo aos cofres públicos ou perda de arrecadação, a política de incentivos fiscais é, na verdade, uma forma de potencializar o desenvolvimento local, gerando empregos e renda para milhares de famílias.

Denúncias da Lava Jato sobre o Grupo Petrópolis

O proprietário do Grupo Petrópolis Walter Farias, foi denunciado pelo Ministério Público em uma ação que investiga lavagem de mais de R$ 1,1 bilhão em favor da Odebrecht entre 2006 e 2014, no âmbito da Operação Lava Jato.

O MPF denunciou o empresário e outras 22 pessoas vinculadas ao Grupo Petrópolis, Antígua Overseas Bank e ao departamento de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht em dezembro de 2019.

A denúncia faz parte da 62ª fase da Operação Lava Jato, que investiga o envolvimento de membros do Grupo Petrópolis, que é proprietário da Itaipava, em um esquema de lavagem de dinheiro desviado de contratos públicos, principalmente com a Petrobras.

O empresário chegou a ser preso, mas foi solto em dezembro do ano passado após um habeas corpus concedido pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre. Desde então, Faria está proibido de deixar o país sem autorização judicial.

REDAÇÃO COM ASSESORIA

Talvez você também goste

Polícia 1Comentários

ESQUERDISTAS CARIMBAM CÉDULAS DE DINHEIRO, UM CRIME CONTRA A NAÇÃO.

Organizadores do movimento pró-lula não cansam de cometer crimes, um atrás do outro. Agora estão carimbando as cédulas de dinheiro do nosso país, como se o LULA e o PT

Destaques

Publicitário Walmor Miranda morre em virtude da COVID-19

O publicitário e empresário da comunicação, Walmor Miranda, faleceu na madrugada deste domingo (4) no Hospital Unimed, em Rondonópolis, onde estava internado desde o dia 20 de março. Natural de

Notícias

TARADÃO – Homem é preso após mostrar pênis para clientes de lanchonete em Rondonópolis

Um homem, que não teve o nome divulgado, foi preso após sair mostrando o pênis, em uma lanchonete, na noite de sábado (24), no Centro de Rondonópolis (212 km da