Bolsonaro corre atrás da Pfizer

Bolsonaro corre atrás da Pfizer

Após passar o segundo semestre de 2020 ignorando as ofertas de vacinas da Pfizer, o presidente Jair Bolsonaro participou ontem de uma reunião virtual com o presidente da farmacêutica para a América Latina, Carlos Murillo. O objetivo foi tentar “antecipar ao máximo as doses contratadas”. A Pfizer tem compromisso de entregar 100 milhões de doses até setembro. Mas o governo, agora, quer que elas cheguem antes.

O governo fechou em março um contrato para a aquisição de 100 milhões de doses da vacina da Pfizer, a serem entregues até o final de setembro. Segundo a última estimativa do Ministério da Saúde, a farmacêutica deve entregar neste mês 12 milhões de doses e mais 8 milhões em julho.

O encontro desta segunda, que não constava inicialmente na agenda oficial do presidente, foi divulgado pelas redes sociais do Palácio do Planalto.

Redação com Exame

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

PF prende um em flagrante no combate a pornografia infantil pela internet

Ação ocorre em 05 cidades Presidente Prudente/SP – A Polícia Federal deflagrou nessa manhã, 24/9, a Operação Proteção Integral, visando o cumprindo de 09 mandados de busca e apreensão nas cidades

Destaques 0 Comentários

BRASILEIRO PRESO POR MADURO NA VENEZUELA É CONSIDERADO DESAPARECIDO

O Ministério das Relações exteriores considera que Jonatan Diniz, brasileiro que o regime de Maduro diz ter prendido por conta de uma suposta ligação com “organizações criminosas”, esteja desaparecido. O

Notícias

MP NOTIFICA PREFEITO PARA QUE CUMPRA DECRETO EM CAMPOS NOVOS DO PARECIS

O Ministério Público de Campo Novo do Parecis, através do promotor Luiz Augusto Schimith, cumprido determinação do Procurador-Geral, Dr. José Antônio Borges de Oliveira, enviou ao prefeito Rafael Machado, um