AVIÃO DA FAB CAI EM MS (VÍDEO)

AVIÃO DA FAB CAI EM MS (VÍDEO)


Uma aeronave da FAB (Força Aérea Brasileira) caiu há pouco em Campo Grande, na região do Indubrasil – localizado na saída para Aquidauana. Por ora, não há informações detalhadas sobre o ocorrido e nem sobre vítimas, mas é possível visualizar a fumaça à distância e equipes do Corpo de Bombeiros se deslocam para o atendimento.

O piloto da aeronave militar, que seria um Tucano de fabricação da Embraer, ejetou-se antes da queda. A reportagem apurou com fonte na Base Aérea de Campo Grande que ele já foi socorrido e não corre risco de morrer.

Por causa da situação, o espaço aéreo da Capital está todo fechado desde 11h20. A informação já foi confirmada pela reportagem do Campo Grande News com a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária).

Conforme apurado preliminarmente, a aeronave estava realizando treinamento na região e em determinado momento perdeu estabilidade e caiu. A área em que ocorreu a queda tem predominância de vegetação, sem moradores. O piloto estava sozinho e conseguiu ejetar antes da queda. Ele já foi resgatado e não corre risco de morte.

Na mesma imagem em que é mostrado o fogo visto de longe, também é possível verificar que uma avião, possivelmente da FAB, sobrevoa o local do incidente.

A reportagem entrou em contato com a FAB, em Brasília (DF) e em Campo Grande, porém, ainda não obteve retorno devido o acidente ter ocorrido a tão pouco tempo. –

REDAÇÃO COM CAMPO GRANDE NEWS

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Brasil

MORO CONTINUA MINISTRO DA JUSTIÇA

Uma verdadeira fakenews , envolveu a suposta demissão do Ministro da Justiça, Sérgio Moro. A notícia começou a circular no início da tarde pela Folha de São Paulo e replicada

Destaques

Polícia prende investigado de abusar sexualmente da filha de 6 anos

Um pai investigado pelo estupro cometido contra sua filha de seis anos foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta quarta-feira (22.09), no município de Novo São Joaquim (485 km

Brasil

Lira ajuda e Câmara afrouxa lei de combate à corrupção

A Câmara aprovou a toque de caixa e por ampla maioria (408 a 64) o projeto que altera a Lei de Improbidade Administrativa, tornando mais difícil a punição a maus