As obras inacabadas da Copa do Mundo em MT

As obras inacabadas da Copa do Mundo em MT

Ana Flávia Corrêa

Cinco anos após a Copa do Mundo de 2014, os escombros das obras prometidas para serem entregues na ocasião ainda estão espalhados pelas ruas de Cuiabá e Várzea Grande. Das 17 obras que deveriam serem entregues, 4 ainda não foram solucionadas e apenas outras 3 foram retomadas em 2019.

Entre os projetos que seguem sem resolução, está o Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT). De acordo com a Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística, há um grupo de trabalho em conjunto com a Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana, vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional, para estudar a viabilidade de dar continuidade ao projeto.

Chico Ferreira

Obra / VLT / Trilho / AV da FEB

Até agora, estima-se que o governo do Estado tenha desembolsado pouco mais de R$ 1 bilhão com o projeto. Enquanto isso, seus vagões e equipamentos seguem parados, guardados pelo Consórcio por força de determinações judiciais.

Outra obra que segue sem definição é o Centro de Treinamento do Pari, o COT do Pari, em Várzea Grande.Em outubro deste ano, o governador Mauro Mendes (DEM), assumiu não ver funcionalidade na conclusão do espaço.

“Nós já temos o Verdão, temos esse COT aqui (da UFMT), temos o Dutrinha. Temos muitos estádios de futebol dentro de Cuiabá e Várzea Grande, então precisamos saber efetivamente qual vai ser a utilidade daquele espaço. Terminar para depois abandonar não faz o menor sentido. Nós não temos dinheiro para jogar fora”, afirmou.

O Governo agora analisa propostas da Associação Atlética Arsenal de Futebol Americano e da Prefeitura de Várzea Grande, que desejam utilizar o espaço orçado em R$ 31,7 milhões, que teve até então o investimento de R$ 21 milhões dos cofres públicos.

Confira a situação das outras obras da Copa 

Arena Pantanal (Sem resolução) 

Secom-MT

Arena Pantanal

O estádio que sediou todos os jogos da Copa em Cuiabá foi entregue sem conclusão. Ao todos, são três contratos correspondentes a infraestrutura, equipamentos de tecnologia e mobiliário esportivo. 

Com a empresa Mendes Junior e com a Kango Brasil, as tratativas dependem de decisão judicial. Já com o Consórcio CLE, o contrato foi rescindido após o processo.

Duplicação da Estrada do Moinho (Sem resolução) 

Apesar de ter pouco mais de 70% de conclusão, a duplicação da Avenida Arquimedes Pereira Lima ainda segue sem resolução. A obra previa a duplicação da via com 4,42 quilômetros de extensão.

O motivo da demora é que a obra foi executada sem um projeto executivo aprovado e, com isto, foram encontradas diversas patologias ao longo do trecho. Um acordo com o Consórcio Trimec-Hytec prevê que a obra seja retomada com as devidas alterações e correções. Vistorias se iniciaram em junho de 2019 e estão em fase de conclusão. A estimativa é que a duplicação seja concluída em 6 meses depois de retomada.

COT da UFMT 

O Centro Oficial de Treinamento (COT) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) está previsto para ser entregue nesta segunda-feira (23). Orçada em R$ 17,1 milhões , o COT entrou no rol de obras prioritárias para a conclusão na gestão de Mendes. 

Divulgação

Cot UFMT

Sinfra definiu cronograma de execução junto à Engeglobal para dar fim ao imbróglio que envolvia o centro de treinamento. Obra conta com capacidade para 1.5 mil pessoas, pista de atletismo e campo de futebol.

Implantação Avenida Parque do Barbado (Retomada) 

A avenida Parque do Barbado deve ser entregue até o final de dezembro deste ano.  Obra está localizada entre a avenida Fernando Corrêa e a Estrada do Moinho e tem extensão de 1,6 quilômetros. 

Restauração do córrego Mané Pinto e avenida Oito de Abril (Retomada) 

Previsão para término da restauração da avenida é em agosto de 2020, quando o contrato com a empresa responsável termina. Obra foi retomada em junho deste ano, visando a contenção dos trechos que tinham risco de desabamento. 

Agora, estão em execução a concretagem do fundo do canal e fundação e arranques das lajes das rotatórias. Ao todo, foram realizados 70% dos serviços.  

Redação com Gazeta Digital

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Mato Grosso 4 Comentários

PLANOS DA ECONOMY BRASIL TEM VENDA SUSPENSA PELA PREFEITURA DE RONDONÓPOLIS

A prefeitura municipal de Rondonópolis através da secretaria de receita municipal, suspendeu as atividades da empresa Economy Brasil no município. A medida e uma solicitação dos empresários, donos de funerárias

Destaques 0 Comentários

CODER A BEIRA DA FALÊNCIA: FUNCIONÁRIOS” INDIGNADOS” DESABAFAM SITUAÇÃO EM REUNIÃO COM VEREADORES (Vídeo)

A reunião da Ordem do Dia na Câmara de Vereadores de Rondonópolis, nesta terça-feira (5), foi bem agitada, com a participação de Funcionários da Coder (Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis),

Brasil

Fungo negro: suspeita de doença em paciente em SC

Um caso provável de mucormicose, infecção fúngica grave e rara também conhecida como fungo negro, em um paciente na cidade de Joinville-SC, esta sendo acompanhado. O homem, 52 anos, é

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta