sábado, julho 20, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    PR 2060 traz metodologia para compensar emissão de carbono

    As empresas no Brasil contam, agora, com uma metodologia para quantificar e compensar a emissão de carbono, conforme apresenta a Prática Recomendada (PR) 2060, lançada em julho de 2023 pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O documento traz, ainda, requisitos que precisam ser observados por organizações, governos e instituições para demonstrar que reduzem a emissão de carbono em suas atividades.

    De acordo com a ABNT, a PR 2060 foi apresentada, pela primeira vez, na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 27), realizada no Egito, em 2022. O documento traz também novos conceitos e normas internacionais ISO atrelados à redução de emissões dos gases de efeito estufa.

    A PR 2060 nasceu em meio à necessidade urgente e sistêmica de uma transformação nos setores elétrico, industrial, de transporte e construção, assim como nos sistemas alimentar e financeiro, como ressalta o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA). A autoridade ambiental global ressalta, em um âmbito geral, que a comunidade internacional está muito longe dos objetivos de Paris, de limitar o aquecimento global a 1,5°C.

    Ainda em relação às altas ondas de calor, um alerta emitido pela Organização Meteorológica Mundial (OMM) destaca que 2023 pode ser o ano mais quente já registrado. Além disso, há uma probabilidade de 66% de que a temperatura média anual, próxima à superfície global entre 2023 e 2027, fique mais de 1,5°C acima dos níveis pré-industriais por pelo menos um ano.

    Por sua vez, tais diretrizes poderão colaborar com a geração de novos empregos no Brasil, uma vez que o país integra a América Latina, região que pode criar 15 milhões de novas vagas líquidas até 2030 com a transição para uma economia com zero emissões líquidas de carbono, conforme ressalta a Organização Internacional do Trabalho (OIT).

    Para o fundador e principal executivo do Latin American Quality Institute (LAQI), Daniel Maximilian Da Costa, as empresas brasileiras têm, agora, um guia que colabora na organização e orientação para a tomada de decisões. Ele afirma que uma empresa que mantém uma boa gestão gera reflexos positivos na sua reputação.

    “Adotar medidas que estejam em sintonia com a sustentabilidade é fundamental para o bom andamento de um negócio. Qualidade está totalmente relacionada a essa busca, e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), as diretrizes ligadas ao tripé ESG e especialistas capacitados no tema provam isso. Creio que, em um âmbito nacional, essas novas orientações chegam para colaborar na busca pela redução da emissão de carbono”, finaliza.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    Jornalismo Morreu ou foi assassinado ?

    BRASIL