terça-feira, maio 28, 2024
More

    Siga o Marreta Urgente

    Últimas Postagens

    Programa Recriar aposta em formação humanizada no RS

    Três turnos do dia dedicados a construir o futuro. Essa é a realidade de 25 estudantes da rede pública da Serra Gaúcha que iniciaram em julho o Programa Recriar, mantido pelo Instituto Adelino Miotti. A oitava turma do projeto social foi selecionada entre cerca de 200 inscritos de Farroupilha e Caxias do Sul. Os jovens têm 16 anos e se encontram em situação de vulnerabilidade social. Para ajudar a mudar essa realidade, o Recriar oferece uma série de atividades voltadas à formação pessoal e profissional dos estudantes. 

    O programa fornece aos participantes, ao longo de dois anos, cursos de aprendizagem industrial básica, inglês, música, informática e tecnologia, estratégias de comunicação oral e escrita, educação para a saúde e ainda reserva um período à realização de tarefas escolares. Os participantes são contratados como jovens aprendizes da Soprano, mantenedora do Instituto Adelino Miotti. Dessa forma, têm direito a carteira de trabalho assinada e auxílio financeiro mensal de meio salário mínimo. 

    Após o fim do programa, os participantes do Recriar são acompanhados durante cinco anos. A estatística mais recente mostra que 88% deles estão inseridos no mercado de trabalho. “A base curricular do Instituto é trabalhar na formação mais humanística, porém não deixando de lado outras disciplinas que possam ajudá-los a terem um futuro mais promissor. São incentivados a respeito da importância de continuarem os estudos”, explica a presidente do Instituto Adelino Miotti, Lourdes Miotti, ao contar que a meta é dobrar o número de vagas no próximo ano. 

    Até a sétima turma, o Recriar formou 123 estudantes. Entre eles, está o estudante Eduardo Machado Lopes, 18 anos, que descreve a experiência como fundamental para o encaminhamento profissional. Ele pretende buscar formação acadêmica na área da Tecnologia da Informação (TI). “Quando eu entrei, não tinha muita certeza de nada sobre meu futuro, sobre o que eu queria seguir principalmente na minha carreira profissional. Aqui dentro, eu consegui me guiar. Os professores me ajudaram bastante nisso. Hoje eu encontrei a área que eu quero trabalhar. Além disso, fiz grandes amizades que quero manter na minha vida”, conta o estudante.

    A coordenadora pedagógica do Instituto Adelino Miotti, Camila Martins de Lima, aponta que o Recriar valoriza a educação cidadã. Para ela, embora iniciativas neste sentido estejam em expansão, é preciso aumentar a sensibilização e mobilização em torno do tema tanto nas empresas quanto na sociedade em geral. “Nós não precisamos de pessoas que façam o que máquinas fazem e, sim, de pessoas que pensem, desenvolvam soluções, aprendam, evoluam, sejam empáticos e criadores de uma sociedade melhor. E é para isso que é essencial, além de formá-los para o trabalho, formá-los para a vida em sociedade”, assinala.

    Deixe seu comentário

    Siga o Marreta Urgente

    Latest Posts

    Informe Publicitário

    PREF.RONDONÓPOLIS-PRESTAÇÃO CONTAS SAÚDE

    FESTA DAS NAÇÕES 2024

    BRASIL