Vereador João Mototáxi lider do PSL fala sobre a Eleição da Câmara

O vereador João Moto Táxi líder do PSL na câmara de vereadores de Rondonópolis, que faz parte da renovação de 50% que ocorreu no ultimo pleito tem credenciais para chamar para si a responsabilidade da eleição da nova mesa diretora da câmara.

João Garcia de Souza, o João Moto Táxi chega à casa de leis trazendo na bagagem uma experiência comunitária pouco vista anteriormente por outro vereador, presidente da Associação de Moradores do Bairro Jardim Liberdade por nove anos consecutivos, presidente do Sindicato dos Mototaxistas de Rondonópolis e detentor de 1.324 votos, ele desabafou:

“Quem me conhece sabe muito bem que se alguém falar uma bobagem destas como tem falando em redes sociais que eu vendi meu voto por vagas de taxi simplesmente terá que provar o que esta falando”.

“Minha experiência comunitária me fez pensar muito bem na hora de decidir e como líder do PSL na câmara eu entendi juntamente com o Beto do Amendoim que não podíamos ter um legislativo que fosse dizer amém a todas as ações do executivo”.

O vereador também relatou:

“Sempre pleiteie melhorias para o bairro junto ao poder público, como asfaltamento de ruas, melhorias na iluminação, construção de creche, reforma da escola e agora chegando a minha vez de fiscalizar e atuar eu iria votar em uma chapa que fosse puxadinho da Prefeitura. Nunca aceitaria isso a câmara deve ser independente”.

João Mototáxi concluiu dizendo:

“Sou dedicado, livre e atuante sem ter nada a temer”. Vou fiscalizar e cobrar a administração municipal. Tem muita obra parada que as comunidades precisam e cobram a conclusão.

“Na campanha eu prometi trabalho aos meus eleitores. E pode ter certeza já comecei”.

 

Redação