ENXUGANDO GELO 2X AO DIA

PM PRENDE MESMA PESSOA 2X EM POUCAS HORAS

O Natal (25) em Rondonópolis teve presente de grego para a sociedade e principalmente para a Policia Militar um individuo de nome Thiago Gonçalves dos Santos foi presos duas vezes em questão de pouco tempo.

A primeira vez a PM foi informada que Thiago estava de posse de equipamento de som profissional e outras mercadorias tentando vender no bairro Canaã.

Na segunda vez Thiago foi surpreendido dentro de uma residência subtraindo objetos e foi localizada uma sacola com quantidade relativa de garrafas de bebidas prontas para serem levadas. O dono da residência não se encontrava no local no momento do furto.

Veja os Boletins de Ocorrência:

 

Sendo assim a Policia Militar fez sua parte, porém devido à legislação penal brasileira ser uma piada de mau gosto com a sociedade, o sujeito foi liberado.

O Tenente Coronel Adnilson de Arruda que comanda o 5º BPM relatou que em 23 anos de policia militar não é a primeira vez que isso acontece.

“Já vi situação semelhante em Cuiabá, isso precisa mudar a sociedade tem que pressionar nossos legisladores para ter uma lei que nos faça parar de enxugar gelo”.

“O policial fará seu serviço quantas vezes forem necessárias é seu dever prender e dar segurança, mas situações como essa mostram um retrabalho sem a eficácia devida, legislação que favorece este tipo de situação tem que mudar e rápido.” Desabafou o comandante.

A População lamenta esse tipo de atitude em prender e soltar. Enquanto a Justiça lava as mãos, a Polícia enxuga gelo, e a bandidagem, livre para tocar o terror, comemora o natal da impunidade.

Necessitamos de uma reforma no Código Processual Penal ou a polícia ficará sozinha, “enxugando gelo e sofrendo com as brechas da legislação”.

Parabéns a PM que ainda encontra motivação para realizar seu trabalho e aos cidadãos do bem que pagam seus impostos para que se fabriquem as toalhas para a Policia Militar enxugar o gelo.

 

Redação

Este material  pode ser publicado, reescrito ou  redistribuído sempre citando o link www.marretaurgente.com.br.